Histórias sobre vampiros nem sempre são comprovadas, mas algumas se provaram verídicas!

Os vampiros são considerados como seres mitológicos (será mesmo?), mas muitas vezes são registrados em culturas das sociedades, o que foge das lendas de séculos atrás. As histórias sobre estes seres nem sempre são comprovadas, mas algumas se tornaram verídicas. Elas são casos clássicos de vampirismo.

O chamado vampirismo clínico, conhecido como Síndrome de Renfield, se trata de uma obsessão por sugar o sangue de um parceiro com quem tem relação íntima. O termo Renfield foi pela primeira vez usado pelo psicólogo Richard Noll, em homenagem ao personagem de mesmo nome, assistente do Drácula.

A maioria dos casos de pessoas que sofrem da condição são homens. De acordo com o psicólogo, a atração pelo sangue é iniciada normalmente na infância, por uma experiência de perda da substância ou sensações excitantes na ingestão dela.

Depois da puberdade, essa excitação é sentida como um estímulo íntimo. Ela é então chamada de vampirismo, na maior parte dos casos. Conheça alguns casos reais de vampirismo que já aconteceram no mundo:

Joshua Rudiger

Joshua Rudiger

Joshua dizia ser um vampiro de dois mil anos de idade que cometeu vários assassinatos de moradores de rua em San Francisco. Ele matava as pessoas cortando o pescoço delas com faca e drenava o sangue.

Ted Bundy

Ted Bundy

Ted é considerado um vampiro e monstro que causou terror nos EUA, sendo um dos piores seriais killers da história do país. Ele estuprou e matou 30 pessoas. Ted também praticava necrofilia e bebia o sangue das vítimas.

Jeffrey Dahmer

Jeffrey Dahmer

Este estuprou, mutilou e assassinou 17 homens entre os anos de 1978 a 1991. Ele ficou conhecido pelos atos de canibalismo, necrofilia e vampirismo. Jeffrey gostava de preservar suas vítimas.

Shane Chartres Abbott

Shane Abbott

Shane era um garoto de programa que dizia ser vampiro e que gostava de beber o sangue das vítimas e comer suas línguas.

Diana Semenuha

Diana Semenuha

Foi conhecida como a “Bruxa Vampira”, e acabou presa depois de seduzir crianças de rua e leva-las para sua casa onde bebia o sangue delas. A mulher foi presa em 2005 e justificou seus atos como uma necessidade de fortalecer-se devido uma condição de perda de massa muscular.

Jonathan of Canada

Jonathan of Canada

Este foi considerado obcecado por vampiros com 16 anos, e acusado de matar e drenar o sangue do próprio irmão de 12 anos.

Fritz Haarmann

Fritz Haarmann

Fritz foi um assassino em série alemão conhecido como vampiro de Hanover, e matou pelo menos 27 pessoas rasgando suas gargantas com suas próprias mordidas.

Fonte: Curiosidades em Destaque

Você conhecia algum desses casos, ou conhece outros para citar nos comentários?

 

Anúncios